Introduza o termo a pesquisar e clique Enter.

Tag: web

Não é pessoal

Jun 12 06

Escrito por Luis Nabais @ 06/06/12 2:06 | 1 Comentário »

Don't Take It Personaly, Babe, It Just Ain't Your Story - Main Menu

Main Menu

Não é todos os dias que um jogo consegue a proeza de subtilmente me levar a acreditar em algo que pode não ser necessariamente verdade ou de me fazer olhar para trás e pensar que as acções que tomei fazem de mim um monstro. Mas é certamente ainda mais invulgar quando um “jogo” me faz ter estes sentimentos apesar de ser basicamente um livro interactivo sem grandes possibilidades de eu, jogador, influenciar as acções de alguém que não sou eu: o personagem principal.

Don’t Take It Personaly, Babe, It Just Ain’t Your Story é outra das historias interactivas da mente brilhante de Christine Love, a pessoa por trás de Digital: A Love Story e mais recentemente Analogue: A Hate Story.

AVISO: Antes de mais nada vou já deixar claro que, ao contrario do que é habitual, não consegui mesmo arranjar forma de escrever esta entrada sem desvendar partes importantes da historia do “jogo” e, considerando que a historia em si é o jogo, torna-se extremamente importante deixar este facto bem claro.

Continuar a ler esta entrada >>

Desenvolvimento web moderno

Jan 12 05

Escrito por Luis Nabais @ 05/01/12 22:01 | 1 Comentário »

Hoje em conversa com um colega meu comecei a descrever a abordagem que tenho tomado quando procuro desenvolver um website em HTML, CSS e Javascript e pensei que se calhar era uma boa ideia partilhar aqui a forma como o faço.

O objectivo é simples: criar pequenos sites que funcionam desde um telemóvel até um Desktop com ou sem Javascript activo e tentando suportar tanto quanto possível browsers ligeiramente mais antigos como o IE8 ou o Firefox 3.6.

No entanto sou o primeiro a admitir que esta abordagem não serve para todos os casos mas na minha modesta opinião é um bom objectivo para quem tem sites mais pequenos e quer dar aquela pequena dedicação extra que permite cobrir sem grande trabalho extra uma grande fatia dos potenciais visitantes.

Se tiverem dicas ou sugestões não se esqueçam de as deixar nos comentários mas antes disso vamos à minha abordagem ao problema.

Continuar a ler esta entrada >>

Anime Timeline V2

Set 11 09

Escrito por Luis Nabais @ 09/09/11 22:09 | 3 Comentários »

Anime Timeline Logo

Demorou mas consegui. Finalmente posso dizer que tenho uma aplicação escrita em Node.JS a funcionar e disponível para quem a quiser experimentar. Para além da utilização de CouchDB para guardar os dados (como já fazia há algum tempo na versão anterior escrita em PHP) posso também atirar para a fogueira mais umas buzzwordzitas uma vez que em vez de usar grandes bibliotecas como o jQuery e outros acabei por ficar pelo Ender, uma ferramenta que permite conjugar as mais variadas micro-frameworks de Javascript num único pacote.

Outro pormenor curioso são as animações. A biblioteca que estou a usar, a morpheus, baseia-se numa API recente disponivel nos mais diversos browsers chamada requestAnimationFrame. O que é que tem de especial esta API? A API serve para pedir aos browsers quando é que eles estão disponíveis para fazer a próxima frame da animação o que significa que por exemplo quando o browser se encontra minimizado ou o CPU sobrecarregado o browser pode escolher não disponibilizar tempo para processar a animação e esta passa logo para o final poupando ciclos de CPU e consequentemente energia.

Isto tem no entanto alguns problemas: a API ainda não está em muito bom estado e consequentemente é normal logo após carregar a página serem notórios os saltos devido ao numero reduzido de frames disponibilizadas pelo browser (no chrome cheguei ao ridículo de ver apenas 3 frames disponíveis numa animação). Curiosamente onde as animações correm melhor é em Internet Explorer 9. Sim eu sei, o inferno deve ter acabado de congelar.

No entanto nem tudo está concluído. Neste relançamento ficaram de fora ainda algumas funcionalidades que tinha programadas como o uso da API de historia do HTML5 para permitir navegar no site sem ter de refrescar as páginas e também melhorar o suporte a tablets como o iPad ou as muitas baseadas em Android Honeycomb como a Galaxy Tab ou a Asus Transformer. Isto sem mencionar o facto de ser preciso colocar um botão do Google Plus mas isso é só quando a API finalmente sair.

Para já fica só o reescrever da grande maioria do código que está agora muito mais pequeno e versátil. Uma das grandes diferenças que devem ser imediatamente notórias é na sincronização com o servidor que agora não só efectivamente funciona em mais do que um browser cumprindo o seu propósito (sim, estava assim tão mal) como não tem tantos popups irritantes sempre que ocorre e deve ser rápida o suficiente para nunca serem apanhados desprevenidos por fecharem o browser antes dela acontecer.

AH e mais importante que tudo isto é a mudança de endereço.

LINK: http://anime.nonsensebb.com

Qualquer critica, duvida ou sugestão façam favor de dizer de vossa justiça nos comentários.

Anime Timeline

Abr 11 28

Escrito por Luis Nabais @ 28/04/11 2:04 | 2 Comentários »

Anime Timeline

Há uns tempos atrás decidi colocar-me a brincar um pouco com o editor de imagem, depois com o editor de texto e ficheiros html/css e no fim javascript e php para uns últimos pozinhos resultando num pequeno website onde listo as séries de cada temporada de animação japonesa, uma timeline de animes. Dava jeito por motivos que na altura citei e deu também para dar um pouco de liberdade à minha criatividade no que toca ao “design de sítios web”.

Pois bem a verdade é que a brincar a brincar e sem grandes tentativas de promoção a coisa até pegou e transformou-se na 2ª/3ª pagina mais visitada do meu site com a grande generalidade das visitas a virem de pesquisas do google por isso achei que era boa ideia polir um pouco as arestas ao bicho e é disso mesmo que venho aqui falar hoje.

Continuar a ler esta entrada >>

Puella Magi Madoka Magica

Abr 11 27

Escrito por Luis Nabais @ 27/04/11 1:04 | Sem Comentários »

Puella Magi Madoka Magica - Logo

Puella Magi Madoka Magica

Existem seres que têm o poder de conceder um único desejo a uma rapariga escolhida no entanto essa rapariga deve em troca tornar-se uma Puella Magi, uma rapariga com poderes mágicos, e combater contra Bruxas, criaturas maléficas nascidas de maldições e que são responsáveis por assassínios e suicídios.

Uma aluna chamada Kaname Madoka e a sua amiga Miki Sayaka são abordados por um ser chamado Kyubey e pela Puella Magi chamada Tomoe Mami com a proposta de as tornarem raparigas com poderes mágicos no entanto uma outra Puella Magi chamada Akemi Homura tenta impedir Madoka de aceitar essa proposta.

De tempos a tempos surgem séries que colocam meio mundo a falar delas e que prometem ficar para a historia do meio e é a minha opinião de que nesta ultima temporada de animação japonesa pudemos presenciar o nascimento de uma dessas séries. Pode não ser Evangelion, Clannad: After-Story ou Aria: The Origination mas este Puella Magi Madoka Magica é sem sombra de duvidas um dos animes mais marcantes do ano e quiçá até o mais marcante ainda que isso possa parecer demasiado prematuro dado ainda só irmos no 4º mês de 2011.

Continuar a ler esta entrada >>

O fim do IPv4 está aqui…

Fev 11 03

Escrito por Luis Nabais @ 03/02/11 22:02 | 1 Comentário »

… quem trouxe as pipocas?

Pois é: hoje de manhã os últimos 5 blocos de endereços IPv4 foram distribuídos pelo ICANN aos RIR que os vão por sua vez redistribuir pelos mais diversos pontos do planeta. Se decidíssemos montar hoje uma estação espacial num dos vários pontos de Lagrange do sistema terra-lua e atribuir-lhes IPs novos seria totalmente impossível pois já foram todos atribuídos ás respectivas autoridades continentais.

Mas antes que comecem todos a ir para a rua a gritar que “eles andem aí” e que o fim do mundo está a chegar, que o calendário dos maias o previu e que ponderem juntar-se a um qualquer culto maluco que vos promete salvar quando chegar o momento final acalmem-se pois isto não significa nem de longe o fim da internet como a conhecemos.

Continuar a ler esta entrada >>

Anime quick look – Inverno 2011

Dez 10 07

Escrito por Luis Nabais @ 07/12/10 23:12 | 2 Comentários »

Estamos já em Dezembro e aproxima-se a altura em que devia fazer um dos meus prometidos previews da temporada que se aproxima no entanto a fonte onde costumava ir buscar a lista completa de animes anunciados, o Chartfag, decidiu parar de compilar a lista e como tal é um pouco mais complicado ver rapidamente o que está prestes a sair. Existem outras fontes sim mas ainda vai demorar um tempo a encontrar uma de confiança. Como tal decidi meter mãos à obra e compilar o que consegui numa lista feita por mim próprio (e também como desculpa para exercitar um pouco o músculo no que toca a web design).

Fiquem então com o meu pequeno mini-site dedicado à listagem dos animes por temporada: Anime Timeline.

Notem que ainda só funciona em Firefox >3.6 ou Chrome por falta de tempo e que não é propriamente das coisas mais simpáticas para o vosso processador por isso ficam avisados.

No que toca a animes em si não encontrei ainda muito que me cative. Talvez dê uma vista de olhos à parceria entre a Marvel e a Madhouse sobre o Wolverine e quiçá o mais recente projecto da Shaft pelas mãos de Shinbō (Mahou Shoujo Madoka Magica). Mas a ver este ultimo seria mais pelo estilo e arte do que pela historia em si o que não abona muito ás minhas chances de pegar nele.

E vocês? Já têm alguma coisa em mente? A minha lista ajudou? Não? Digam de vossa justiça.

JSON/HTML/XML – Qual devolver?

Nov 10 16

Escrito por Luis Nabais @ 16/11/10 21:11 | 2 Comentários »

Bem este post vai servir não só como uma forma rápida de apanhar algumas opiniões como também para ficar com uma nota para mim próprio sobre esta ideia.

Para o meu TV Wall estou a tentar ir o mais longe possível no juntar da API da aplicação com o que efectivamente é visível para os utilizadores e parte disso passa por tentar ter praticamente o mesmo esquema de URLs tanto para o browser como para a API utilizada pelos mais diversos clientes (quer seja a própria aplicação web em javascript ou outra qualquer hipotética aplicação nativa). Isto faz com que os endereços se tornem por exemplo em algo como /show/house para aceder, neste caso, à pagina associada à série House.

Agora o desafio: como fazer o mesmo endereço devolver HTML para um browser mas JSON (ou XML ou qualquer outro formato de dados) para uma aplicação? A minha resposta passa pelos cabeçalhos HTTP, mais concretamente pelo cabeçalho ACCEPT que ao anunciar que aceita um determinado tipo de dados permite-me devolver-lhe esse tipo em particular deixando o HTML normal para fallback.

Claro que eu posso já começar a ver os problemas associados a esta abordagem: e se surgir um browser que manda um cabeçalho a dizer aceitar application/json quando o que o utilizador quer mesmo receber é a versão HTML? E se um cliente enviar no cabeçalho que aceita tanto JSON como XML? Qual dos dois devolver? Sim, isto são tudo questões muito validas e é por isso mesmo que coloquei esta entrada no meu blog. Opiniões?

pub: