Introduza o termo a pesquisar e clique Enter.

Anime Preview – Primavera 2011

Abr 11 19

Escrito por Luis Nabais @ 19/04/11 10:04 | Sem Comentários »

Passaram-se mais três meses de animação japonesa e as slots dos canais televisivos estão já a ser recheadas com novas séries o que significa que já estou atrasadíssimo para a minha recém-chegada tradição de prever e rever cada uma das temporadas de animação nipónica.

Portanto sem mais demoras “vai vir charters” de séries numa temporada que à primeira vista parece bastante positiva quando comparada com as suas antecessoras.

Steins;Gate

Steins;Gate

Steins;Gate

Comecemos pela série que pessoalmente me deixou mais interessado da lista de séries desta temporada: Steins;Gate é uma adaptação da Visual Novel do mesmo nome desenvolvida pelos estúdios 5pb e Nitroplus.

A historia de Steins;Gate segue um grupo de amigos que se vê envolvido numa situação que envolve viagens no tempo num enredo que referencia fortemente situações como o caso John Titor. A personagem principal parece ser totalmente doida, o aspecto da série demonstra também um estilo muito próprio e os 2 primeiros episódios já emitidos levantaram um numero surpreendente de perguntas que me deixaram bastante curioso.

Os 24 episódios previstos e o facto de o estúdio por trás da adaptação ser o mesmo que nos trouxe Katanagatari (White Fox) deixam-me esperançoso que este possa ser um dos fortes candidatos a ocupar o lugar de meu anime favorito da temporada.

Nichijou

Nichijou

A próxima entrada da lista é algo que depois de 3 episódios já emitidos ainda me deixa um pouco de pé atrás porém a premissa de uma comédia nonsense pelas veneráveis mãos da Kyoto Animation faz lembrar que mesmo Lucky Star precisou até ao 4º/5º episódio para começar a dar ar de sua graça.

Nichijou traduz-se para algo como “A minha normal vida” porém a série é tudo menos normal ao situar-se numa escola onde tanto podemos encontrar uma aluna a stressar com um teste como podemos encontrar o director a lutar com um veado ou um andróide a criado por uma criança a entrar em pânico por ter sido modificado para guardar bolos em diversas partes do seu corpo.

A premissa de Nichijou tem tudo para ser algo de épico mas não posso dizer que os primeiros episódios me tenham convencido muito porém ainda é cedo para tirar conclusões e o estúdio até hoje não só raramente me desapontou como tem constantemente lançado séries que facilmente ganham o estatuto de essenciais não só para mim como para muitos outros apreciadores de animação nipónica.

C: The Money of Soul and Possibility

C é a entrada que escolhi do bloco NoitaminA para seguir nesta temporada e a julgar não só pela premissa como pelo primeiro episódio cheira-me que não é uma má aposta.

C: The Money of Soul and Possibility

C: The Money of Soul and Possibility

A historia coloca o Japão num futuro próximo a ser salvo da bancarrota pelo Fundo Soberano de Riqueza, uma espécie de Fundo Monetário Internacional digamos, e o enredo segue um estudante universitário cujo pai desapareceu enquanto criança e que trabalha afincadamente para conseguir pagar os estudos almejando ter um dia uma vida estável. Porém um dia ele é abordado por um misterioso homem que lhe oferece uma solução para os problemas monetários em troco do seu futuro, uma espécie de penhora da sua vida futura.

Ignorando a piada fácil com a situação actual Portuguesa posso dizer que a premissa deste anime com o seu cliché pacto com o demónio me deixou intrigado mas já Fractale o fez no mesmo slot e os resultados não foram os melhores portanto esta é uma série para ter em atenção com cautela mesmo que o primeiro episódio me tenha deixado agradável mas cautelosamente surpreendido.

Hidan no Aria, Deadman Wonderland, etc…

Hidan no Aria

Hidan no Aria

Por fim Hidan no Aria (Aria das munições escarlate) com a sua historia de uma escola onde são treinados alunos para serem soldados e combaterem o crime, com uma protagonista que é uma tipica loli tsundere com a voz fornecida por Kugimiya Rie e com animação a cargo da J.C.Staff tem certamente a sua popularidade assegurada (e a premissa até parece ser relativamente interessante).

Deadman Wonderland fala de um rapaz que é injustamente acusado de um crime violento cometido à sua frente e enviado para uma prisão em formato de parque de diversões num Japão parcialmente destruído por um grande terramoto (bom timing hum?) e pela premissa parece ser digno de se dar uma espreitadela também.

Por fim fica a nota para Ao no Exorcist que parece ser relativamente interessante e a importante menção para a sequela do popular anime de Gintama.

Esta temporada parece sem sombra de duvidas prometer um conjunto bastante simpático de animes e nem o adiar da adaptação televisiva de Appleseed XIII estraga a pintura, bem pelo contrario é menos um a tornar mais difícil a já de si complicada decisão sobre quais séries seguir.

pub: