Introduza o termo a pesquisar e clique Enter.

Bakemonogatari

Jul 10 28

Escrito por Luis Nabais @ 28/07/10 10:07 | 2 Comentários »

Logo

Logo

Bakemonogatari centra-se em Araragi Koyomi, um aluno do 3º ano do ensino secundário que é quase humano novamente depois de ter sido temporariamente convertido em vampiro. Um certo dia uma colega de nome Senjogahara Hitagi, infame por nunca falar com ninguém, cai escadas abaixo para os braços de Araragi. Ele descobre então que Senjogahara não pesa virtualmente nada, em desafio das leis da física. Após ser ameaçado por ela Araragi oferece-se para a ajudar e apresenta-a a Oshino Meme, um sem abrigo de meia idade que o ajudou a deixar de ser vampiro.

Bakemonogatari foi para mim o anime do ano de 2009 porém o ultimo episódio foi exibido apenas no final do passado mês de Junho através do website oficial do programa, quase um ano depois do final da transmissão televisiva em Setembro de 2009. Bakemonogatari é um perfeito exemplo do que não fazer numa transmissão televisiva com os problemas de orçamento e de falta de tempo para terminar os episódios a serem uma constante que culminou no 10º episódio da série com uma transmissão que se resumiu a uma passagem de slides durante quase 15 minutos do programa.

A transmissão original tinha previstos 12 episódios apenas porém o estúdio, Shaft (Rec, Negima…), e o respectivo director, Shinbo Akiyuki (Hidamari Sketch, Ef…), decidiram que seriam precisos 15 episódios no total para fazer justiça à historia ficando os 3 últimos para serem transmitidos através do site oficial após a conclusão da emissão televisiva. Os episódios que supostamente sairiam semanalmente acabaram por sofrer consecutivos atrasos como já mencionei apesar de a série ter atingido o topo nos rankings de vendas japoneses batendo o até então líder indiscutível “K-On!”.

Mas passando à historia em si devo começar por mencionar que estamos a falar de mais um dos trabalhos de Nisio Isin (que já mencionei aqui no meu artigo sobre katanagatari) e como tal os diálogos e os trocadilhos estão presentes em força nesta historia sobre seres sobre-naturais e como um rapaz, “Ararararagi-kun”, se vê constantemente a tentar ajudar raparigas afectadas por um desses monstros. O próprio nome da série é um trocadilho com as palavras Bakemono (monstro) e Monogatari (historia).

A historia de Bakemonogatari começa com Araragi a ver Senjogahara literalmente cair-lhe ao colo um certo dia, situação essa que revela o segredo que esta rapariga esconde: ela pesa um total de 5kg. Senjogahara é vitima de um monstro e Araragi decide ajuda-la levando-a a ver Oshino Meme, o homem que o curou do vampirismo.

Bakemonogatari é divertido, tem uma historia interessante com uma apresentação muito avant-garde típica de Shinbo e da Shaft que o torna diferente do habitual e está sem sombra de duvidas no topo da minha lista de favoritos dos últimos tempos. O facto de Senjogahara Hitagi possuir uma personalidade virtualmente idêntica à típica Tsundere porém vermos tudo isso desconstruído com uma bola curva cuja surpresa não quero estragar só ajuda ainda mais a colocar esta série no indiscutível lugar de Série do Ano de 2009, ano que viu a conclusão da segunda série de Clannad!

ACTUALIZAÇÃO: então não é que eu faço este post e pouco depois sou brindado com o anuncio da prequela, Kizumonogatari? Parece que a Shaft vai voltar a pegar na historia de Araragi e eu só podia ficar feliz por isso. A única parte triste é que, sendo uma prequela, não vou ter mais Senjogahara mas são pequenos sacrifícios que se têm de fazer.

Bakemonogatari já terminou a sua transmissão televisiva e encontra-se editado em DVD/Blu-Ray no Japão. Infelizmente a probabilidade desta série ser traduzida é bastante reduzida pelo que restam outros meios para a obter. Bakemonogatari @ TV Wall

pub:

2 Comentários