Introduza o termo a pesquisar e clique Enter.

Ensitel – Relações Publicas? Não, advogados!

Dez 10 28

Escrito por Luis Nabais @ 28/12/10 2:12 | 5 Comentários »

Ensitel – Take 7
Originalmente publicado por jonasnuts às 23:19, 27 de Dezembro de 2009

No passado dia 22 fui surpreendida, ao receber uma nota de citação pessoal.

Parece que a Ensitel não gosta mesmo nada dos posts que aqui escrevi sobre a minha experiência enquanto cliente deles, e acha que eu não tenho o direito de partilhar, neste meu espaço, aquilo que penso e sinto acerca da empresa.

Posto isto, os senhores, em vez de me telefonarem e perguntarem como é que poderiam resolver o problema, decidiram que era mais eficaz pedirem aos advogados que os representam que me escrevessem, intimando-me a apagar os posts em causa. Não pediram direito de resposta, não perguntaram como é que poderiam resolver o problema, não quiseram, sequer, saber, porque razão é que eu estava chateada com eles, não, decidiram que o que queriam era que eu apagasse os posts. Não apaguei.

Assim sendo, os senhores cumpriram a ameaça, e no dia 22 recebi a tal citação pessoal, que é um documento de 31 página (sim, 31) em que sou intimada pelo tribunal a constituir um advogado, e é um procedimento cautelar.

Basicamente querem que o tribunal me mande apagar os posts que escrevi sobre a Ensitel. Estão ali, linkados na barra da direita do Blog. São 6. Com este 7.

Portanto, a Ensitel não gosta que os clientes expressem livremente a sua opinião. A liberdade de expressão é muito linda e coiso e tal, mas só quando não chateia. Se chateia, já não há liberdade de expressão para ninguém.

Eu não minto nos meus posts sobre a Ensitel. Descrevo a situação, dou os factos, e escrevo o que penso acerca da coisa.

A Ensitel está a precisar de contratar uma empresa de Relações Públicas, mais do que uma sociedade de advogados. Triste é que, passado tanto tempo, ainda não tenham percebido isso.

Para quem tiver pachorra para a novela toda, é seguir os links.

pub:

5 Comentários

  1. Nuno

    28 de Dezembro de 2010 ás 16:04

    a utilizar Internet Explorer 8.0 em Windows XP

    Gostava de saber como acabou, ou não esta novela.
    Comportamentos abusivos destes existem em barda, principalmente porque desconhecemos os nossos direitos… e porque a justiça não funciona.
    Enfim…
    A pessoa a quem isto aconteceu pode sempre alegar que não foi ela que escreveu os posts, e ai sim, gostaria de ver como iria a Ensitel dar a volta a essa questão..

    Por exemplo o mail que coloquei inventei, o nome também, ou não…

    e agora assino como Cavaco Silva.

    Cavaco Silva.

    Pronto… e?