Introduza o termo a pesquisar e clique Enter.

Amagami SS

Ago 10 02

Escrito por Luis Nabais @ 02/08/10 2:08 | 4 Comentários »

Logo

Amagami SS - Logo

Um aluno do segundo ano de uma secundária fica abatido na altura do natal devido a uma má experiência do seu passado. No entanto, este natal, ele consegue a sua ultima chance para convidar para sair uma colega do ultimo ano, Haruka Morishima, uma de várias outras colegas. A historia do anime vai ser organizada num formato estilo “omnibus” com cada heroína a ver a sua própria versão da historia animada. Cada heroína canta também a sua versão da musica final do episódio.

Visual Novels é um género de “jogos” muito popular no Japão e uma trope comum do género é o facto de o jogador assumir o papel de um protagonista que tem a possibilidade de conquistar uma de várias raparigas. Amagami SS é a adaptação ao pequeno ecrã e em formato anime de um desse jogos e a forma como decidiram abordar os múltiplos caminhos é no mínimo relativamente incomum apesar de estar a ganhar popularidade.

A historia de Amagami SS segue o já habitual estudante de secundaria, neste caso chamado de Tachibana Junichi, enquanto ele persegue os seus variados interesses românticos. A série procura destacar-se no entanto ao reiniciar a historia a cada 4 episódios (sensivelmente) permitindo assim que no fim de cada iteração o protagonista principal fique com uma das raparigas. É sem sombra de duvidas uma abordagem diferente ao problema de como lidar com os múltiplos caminhos em que estes jogos se baseiam mas pode tornar-se um pouco repetitivo.

Peguei em Amagami SS por estar sem grandes ideias do que ver a seguir e um amigo meu me ter falado dele porém não mostrou até agora nada que o destacasse da multidão pelo que não consigo então compreender a popularidade que tenho lhe visto na web. A única coisa relativamente distinta que lhe posso indicar são os designs das personagens que fogem à tendência dos últimos anos sendo mais altos e esguios mas isso é o padrão para quem viu a maioria dos animes dos anos 90.

Amagami SS é então um anime relativamente previsível mas que servirá certamente para passar o tempo e com apenas 5 episódios emitidos pode ser que consiga ainda destacar-se da multidão mesmo que eu considere isso altamente improvável.

Veredicto: serve para matar o tempo.

Amagami SS é transmitido ás sextas-feiras por volta das 01:25 na TBS no Japão pelo que pode ser visto nos “canais” habituais algures durante o fim de semana seguinte habitualmente (informação obtida via TV Wall).

pub:

4 Comentários

  1. Bruno esteves

    30 de Agosto de 2010 ás 04:23

    a utilizar Google Chrome 5.0.375.127 em Windows XP

    esse anime é demais!!! e o mais incrível, é o que mais todo mundo se pergunta o porque do sucesso…simples ele se conecta com agente de uma forma (suspiros), traz um sentimento de nostalgia lá de dentro da gente. Qualquer reação de alguma coisa que passamos na vida depende do nosso estado de espírito, e nesse aspecto ele foi lá dentro, chegou a tocar na alma, como eu já disse depende do receptor e comunicador, é como uma chave que abre determinada fechadura, entende. EU AMEI, E RECOMENDO.
    SÓ PRA CONSTAR O MEU BEST ANIME
    O CASTELO ANIMADO, DO STUDIO GHIBLI. PERFEITO.

  2. VITORIA

    05 de Novembro de 2010 ás 00:45

    a utilizar Internet Explorer 8.0 em Windows Vista

    AMAGAMI É UM DOS MELHORES ANIMES Q JÁ VI.E UM ANIME NÃO PRECISA SE DESTACAR NA ”MULTIDÃO” PARA SER BOM POIS CADA UM TEM O SEU ESTILO DE ANIME SENDO ELE BOM OU NÃO.
    OBS:COM CERTEZA ASSISTIR AMAGAMI SS É BEM MELHOR DO QUE LER A SUA COLUNA DEXTRO!

    • Dextro

      05 de Novembro de 2010 ás 16:08

      a utilizar Mozilla Firefox 3.6.12 em Windows 7

      Ainda pensei se devia ou não aceitar este comentário dada a estranha capitalização do mesmo mas decidi deixar. Deixo só a nota que eu apenas expressei a minha opinião e nada do que foi dito a contradiz (se bem que tenho de admitir estar a ser agradavelmente surpreendido pela capacidade do estúdio de não me aborrecer mas disso falarei mais quando a série terminar).