Introduza o termo a pesquisar e clique Enter.

Linux Imperfeito

Jun 08 08

Escrito por Luis Nabais @ 08/06/08 15:06 | 9 Comentários »

Eu gosto muito de Linux não só por me identificar ideologicamente com o conceito de FOSS como gosto do sistema em si e para um servidor nunca escolheria outra coisa mas no que toca ao desktop isto irrita-me profundamente…

Apesar de estar totalmente rendido às velocidade e estabilidade estúpida que o meu combo (Arch Linux + XFCE4 + bocados de Gnome para colmatar as falhas do XFCE) me trás não consigo deixar de pensar que a maioria das aplicações que uso (tirando provavelmente o Firefox) estão incompletas…

Sou o único que acha que há sempre um qualquer promenorzinho que falta nas aplicações em Linux como por exemplo o icon de bluetooth do gnome que não tem nenhuma opção para receber ficheiros?

São estes pequenos pormenores que me desmotivam um pouco no meu uso de Linux no desktop…

E sim eu sei que podia contribuir e ajudar mas isto é tudo trabalho de interface gráfico e eu não consigo atinar com o GTK

PS: ok admito, estou a ser picuinhas…

pub:

9 Comentários

  1. Rui Miguel Silva Seabra

    08 de Junho de 2008 ás 16:55

    a utilizar Mozilla Firefox 3.0b5 em Linux

    Sou o único que acha que há sempre um qualquer promenorzinho que falta nas aplicações em Linux como por exemplo o icon de bluetooth do gnome que não tem nenhuma opção para receber ficheiros?

    Eu seja cego, surdo e mudo se não tem. É a forma como normalmente troco ficheiros entre o meu telemóvel e o meu computador…

  2. Dextro

    08 de Junho de 2008 ás 17:11

    a utilizar Mozilla Firefox 3.0 em Linux

    @Rui Miguel Silva Seabra
    Pode ser a versão do arch linux que esteja desactualizada, tenho de experimentar ver no foresight para confirmar (porque eu tenho a sensação que no ubuntu realmente tem mas pensei que fosse mais um patch deles).

  3. cpinto

    08 de Junho de 2008 ás 21:27

    a utilizar Epiphany 2.22 em Linux

    olha que não precisas de um menu, é só activar o discovery e enviar o ficheiro a partir do telemóvel.

  4. Pfreire

    09 de Junho de 2008 ás 00:11

    a utilizar Unbranded Firefox 2.0.0.14 em Linux

    Uhm, eu não troco o meu Linux por nada, ainda vou conseguir reduzir o meu bootchart time para 15s… Actualmente está em 19s num Pentium 4 2,2Ghz e com um disco de 4200 rpm. Uso Arch Linux obviamente 🙂

    Gostava de ver um windows a manter-se assim após 2 anos de instalação 😉

  5. Dextro

    09 de Junho de 2008 ás 09:59

    a utilizar Mozilla Firefox 2.0.0.14 em Windows XP

    olha que não precisas de um menu, é só activar o discovery e enviar o ficheiro a partir do telemóvel.

    Não é bem assim, pelo menos o meu não recebe (recusa o envio) e eu gosto assim, não quero andar a receber ficheiros via bt de todo o lado.

    Eu também não troco o meu Arch para já mas gostava de ver algumas imperfeições dos softwares open source limadas.

  6. Bezierk

    09 de Junho de 2008 ás 10:24

    a utilizar Mozilla Firefox 2.0.0.14 em Windows XP

    Não, não está a ser picuinhas. A malta do OSS precisa desesperadamente de recrutar novos departamentos de desenvolvimento.

  7. António Pedro

    09 de Junho de 2008 ás 19:33

    a utilizar Mozilla 1.9b5 em Linux

    Pois, o problema é que o open-source é open, free, e consequentemente, dependente de pessoas que têm outros empregos além de programar os nossos programas favoritos lol…

    De qualquer forma, realmente há muitas arestas a ser limadas, e eu consigo pensar nalgumas bem mais graves e óbvias que a que tu referiste 🙂

    É uma questão de tempo, espero eu… também não quero trocar o meu Arch por nada lol

  8. Rui Miguel Silva Seabra

    10 de Junho de 2008 ás 11:12

    a utilizar Mozilla Firefox 3.0b5 em Linux

    António, infelizmente esse comentário assenta sobre um mito de que ninguém vive do dinheiro que faz com Software Livre.

    Há mesmo muitos a viverem do dinheiro que fazem.

  9. António Pedro

    10 de Junho de 2008 ás 11:20

    a utilizar Mozilla 1.9b5 em Linux

    Rui,

    Eu sei que muita gente vive do dinheiro que o Software Livre gera… mas isso nem sempre é o caso… Alguns dos programinhas que eu gosto e que me fazem muito jeito estão dependentes de pessoas que realmente nada ganham em fazê-los (não estou a falar de coisas enormes como GNOME, etc)