Introduza o termo a pesquisar e clique Enter.

No Comments

Jan 08 14

Escrito por Luis Nabais @ 14/01/08 20:01 | 1 Comentário »

Certamente nem todos os que me lêm aqui são versados no mundo dos videojogos e mesmo aqueles que o são devem estar um pouco a leste do que se passa com os jogos lançados para a mais recente consola da Microsoft (que, ao que tenho visto, é praticamente colocada de lado nas grandes superficies comerciais em prol de Playstations 2, 3 e Portateis com um bocadito, mas não muito, de Nintendo lá pelo meio) mas artigos como o de Kevin McCullogh acerca do jogo Mass Effect não passam de alarmismo e de exagero de um tamanho que me choca profundamente.

Não, isto não se passa em Portugal e felizmente não é muito comum vermos por cá este tipo de alarmismo mas não deixa de me chocar como existem do outro lado do atlântico pessoas que criticam um candidato presidêncial por dizer que “o governo não tem o direito de censurar o direito de expressão”… Mas os americanos são doidos? É que cada vez pareçem mais já que este tipo de atitudes continuam a multiplicar-se.

Há uns tempos atrás perguntavam-me como podia eu dizer que não queria ir aos EUA por dizer que não gostava do país já que nunca lá fui. Pois bem a resposta está naquilo que os novos meios de comunicação como o Cabo, Satelite e acima de tudo a Internet nos trazem: uma visão cada vez mais aprofundada do que se passa pelo mundo e de como pessoas tão claramente ignorantes como este Kevin McCullogh conseguem tempo de antena em determinados paises.

Podem vocês que me lêm dizer que a melhor forma de lidar com este tipo de pessoas é não lhes dar mais tempo de antena, ignora-los, e apesar de isso ser verdade não deixa de ser assustador pensar que há crianças neste mundo a ser educadas por pais daqueles…

E pronto, isto foi apenas mais um desabafo…

pub:

1 Comentário