Introduza o termo a pesquisar e clique Enter.

Sim ou Não, eu VOTO

Fev 07 02

Escrito por Luis Nabais @ 02/02/07 14:02 | 7 Comentários »

Eu Voto!Com o dia 11 de Fevereiro e o referendo que nessa data se realiza cada vez mais próximo achei que devia uma vez mais abordar esse assunto. No texto que intitulei de “Abortemos irmãos” já expressei as minhas opiniões sobre como votar no referendo e nestes últimos meses pouco ou nada mudou portanto, para não me repetir, vim aqui hoje apelar ao voto em vez de defender uma ou outra escolha.

Hoje não quero discutir se vou votar sim ou não, hoje não quero dizer o porque de votar de uma forma ou de outra, hoje quero sim que todos os que me lêem, que têm mais de 18 anos e que já efectuaram o recenseamento eleitoral me leiam e que oiçam as minhas opiniões sobre o porque de votar em qualquer circunstancia, seja qual for a pergunta que é feita nas urnas nesse dia.

Votar é mais do que um direito, votar é um dever cívico! É um dever que devemos cumprir sempre que a nossa republica nos pede para o fazermos, devemos expressar a nossa opinião nas urnas sempre que assim for necessário pois esse é um dever que qualquer cidadão de um país democrático deve cumprir. Ir ás urnas é mais do que um simples acto, é uma prova de patriotismo, é uma prova de que se acredita nos sistema democrático em que vivemos, é a melhor prova que podemos dar a nós próprios e aos nossos semelhantes de que a democracia funciona, que a voz do povo deve ser ouvida e que estamos lá para fazer parte dessa mesma voz!

Não ir ás urnas é dizer que não se acredita no sistema, que a democracia para nós é algo desnecessário e fazendo-o permitimos que os outros decidam o nosso futuro sem termos uma palavra a dizer, como aconteceu durante anos antes do 25 de Abril de 1974. Mesmo que achem que já está ganho dirijam-se ás urnas para votar pois o excesso de confiança que vocês têm ao pensar isso muitos outros podem ter também e quem sabe se não abrem caminho àqueles que discordam de vocês para decidirem aquilo que devia vir do vosso voto. Se pensam que está perdido vão na mesma, nunca se sabe o que o futuro nos reserva e pode existir uma surpresa. E mesmo que julguem que o vosso voto vai ser inútil vão de qualquer forma pois somos Portugueses, temos de ser orgulhosos e não ter medo! Não vamos ficar parados a ser velhos do Restelo que muito falam e pouco fazem, vamos agir, vamos ás urnas, vamos usar o nosso voto mesmo que sejamos os únicos a escolher aquela opção porque ninguém deve ter vergonha das suas escolhas e devemos sempre defende-las até ás ultimas consequências!

Se querem ir votar mas não acreditam em nenhuma das escolhas vos apresentam então vão ás urnas na mesma, o voto branco ou nulo é uma forma de protesto muito mais eficaz do que a abstenção. Abster-se de ir votar mostra falta de preocupação e que não se acredita no sistema democrático português, votar branco ou nulo pelo contrario mostra que se acredita no sistema mas que os candidatos não nos convencem e que devem trabalhar melhor para merecerem o nosso precioso voto. Mas vão votar, seja qual for a vossa escolha. Não desistam do nosso país, votem para mostrar que ainda se preocupam e que estamos todos a trabalhar para criar um Portugal melhor no futuro!

Sim eu sei que sou um idealista, sim eu sei que isto é apenas a opinião e sim eu sei que ninguém é obrigado a ir votar mas eu digo-vos: Sim ou Não, eu VOTO! E vocês?

PS: Quem quiser apelar ao voto como eu coloque esta imagem algures no seu blog.

pub:

7 Comentários

  1. O Parvo Na Cadeira

    “Não ir ás urnas é dizer que não se acredita no sistema(…)”

    Isso é votar em branco.

    Apeteceu-me ser mesquinho 😛

    Bom post, mas como sempre “vai estar muito frio para ir votar” mais vale ficar em casa a beber um leitinho quente e a ver a praça da alegria.

    Acho que o slogan devia ser: “Sim, Não ou Branco”, mas tenho a certeza que depois alguém te apelidava de nazi, por isso deixa lá isso.

  2. Dextro

    Eu pessoalmente prefiro o voto nulo, já que não vamos confiar nos candidatos não vamos dar também a hipótese de alguém usar o nosso voto para favorecer um dos candidatos ilicitamente 😛

    Mas eu sou um bocadinho paranóico :roll: